Quinta-feira, 25 de Fevereiro de 2016

Recordando... Políbio Gomes dos Santos

MEDITAÇÂO

 

O dia de hoje vem triste.

 

Eu penso que a terra dorme

Num grande caixão de chumbo;

São as pessoas os vermes,

Que vão roendo,

E as árvores são as flores

Que vão murchando

Sobre o cadáver imenso

Que me parece pequeno.

 

Também eu durmo este sono

E dormindo

Vou roendo o magro pomo

Que tombou do infinito,

No caixão,

Feito de chumbo e granito.

 

E roendo

A boca me sabe a mim

- Fica-me um travo de fim

De eternidade.

 

Neste silêncio,

Grito a minha ambição biológica do aborto

Que quis nascer completo

E veio feto

E torto...

 

Grito a minha aflição patética do morto

Que quer a tampa do caixão aberta;

Grito a minha surdez-mudez que escuta

A luta do dividendo,

Travada entre os vermes

Que vão roendo!

 

In “Líricas Portuguesas” - I Volume

Selecção, Prefácios e apresentação de Jorge de Sena

Edições 70 -1984

 

Políbio Gomes dos Santos

(1911-1939)

publicado por cateespero às 00:00
link do post | Deixe seu comentário | favorito
Sexta-feira, 19 de Fevereiro de 2016

Recordando... Rosa Lobato de Faria

AMEI-TE COM AS PALAVRAS

 

Amei-te com as palavras

com o verde ramo das palavras

e a pomba assustada do coração.

 

Amei-te com os olhos

o espelho doido dos olhos

e a sede inextinguível da boca.

 

Amei-te com a pele

as pernas e os pés

e todos os gritos que trago

por debaixo da roupa.

 

Amei-te com as mãos

As mesmas com que te digo adeus.

 

In “As Pequenas Palavras”

Guimarães Editores - 1987

 

Rosa Lobato de Faria

(1932-2010)

publicado por cateespero às 00:00
link do post | Deixe seu comentário | ler comentários (2) | favorito
Sábado, 13 de Fevereiro de 2016

Recordando... Ruy Belo

POEMA QUASE APOSTÓLICO

 

Está sereno o poeta

Desprende-se-lhe dos ombros e cai

depois em pregas por ele abaixo a manhã

Não pertencem ao dia os gestos que ele tem

não morreram na noite seus assombrosos passos

Dizem que ele volta a pôr em movimento a roda

de crianças de atitudes desmedidas

que o vento varreu e parque algum queria

E abre os braços para deixar cair na cidade

um ano favorável ao senhor

E põe o rosto do senhor por trás das suas palavras

Elas decerto o hão-de dar a quem as demandar

 

In "Cidadão de longe e de ninguém"

Antologia Poética

Círculo de Leitores

 

Ruy Belo

(1933-1978)

publicado por cateespero às 00:00
link do post | Deixe seu comentário | favorito
Domingo, 7 de Fevereiro de 2016

Recordando... Tiago Araújo

O LUGAR DO MORTO

 

ao teu lado, no lugar do morto, enquanto

conduzes a conversa a uma frase sem

preparação. chegámos tarde à praia,

como a quase tudo. o vento levanta o

pó do parque de estacionamento e não

saímos do carro. não sei a resposta certa

e por isso represento mal o meu papel secundário,

limito-me a ficar em silêncio, onde

sempre me senti mais confortável.

um lugar sombrio, discreto, abrigado

e ainda assim, segundo dizem, o mais perigoso.

 

In “Livre Arbítrio”

Averno - 2009

 

Tiago Araújo

(N. 1973)

publicado por cateespero às 00:00
link do post | Deixe seu comentário | favorito
Segunda-feira, 1 de Fevereiro de 2016

Recordando... Vítor Nogueira

VARANDAS

 

A procissão dividiu a rua a meio,

como é costume fazer-se a uma noz.

Na varanda de Dona Joaquina, a colcha

mais bonita da cidade, peça antiga

de família, que em tempos lhe foi dada

para juntar ao enxoval.

 

Em meados da década de cinquenta,

o Senhor Gouveia e a Dona Joaquina

estiveram, vai-não-vai, para se entender.

Depois, enfim, aquele jeito de poeta,

aquele modo de tirar o chapéu

a uma senhora... E nunca mais se falaram

desde então, razões certamente ponderosas

que ninguém conhece ao certo.

 

Mas, no dia em que passa a procissão,

o Senhor Gouveia pode olhar, demorado,

a sua musa. Esperará por si, ainda hoje,

a solteira Joaquina? E até que ponto

era capaz de lhe dizer do seu desejo

(da maneira como o diz em sonetos

desde sempre guardados no armário)?

 

Entretanto, examina o velho busto

recortado pela colcha que jamais o acolheu.

 

In "Senhor Gouveia"

Averno - 2006

 

Vítor Nogueira

(N.1966)

publicado por cateespero às 00:00
link do post | Deixe seu comentário | favorito

.Eu

.pesquisar

 

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30

.Visitas desde Agosto.2008


contador de visitas gratis

.Ano XI

.Estão neste momento...

.posts recentes

. Recordando... Glória de S...

. Recordando... Carlos de O...

. Recordando... Américo Cor...

. Recordando... Vítor Nogue...

. Recordando... Ana Luísa A...

. Recordando... Guerra Junq...

. Recordando... Fernando Ec...

. Recordando... António de ...

. Recordando... Agostinho d...

. Recordando... Vitorino Ne...

.arquivos

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds