Terça-feira, 31 de Março de 2015

Recordando... Marquesa da Alorna

SOZINHA NO BOSQUE

 

Sozinha no bosque

com meus pensamentos,

calei as saudades,

fiz trégua a tormentos.

 

Olhei para a lua,

que as sombras rasgava,

nas trémulas águas

seus raios soltava.

 

Naquela torrente

que vai despedida

encontro, assustada,

a imagem da vida.

 

Do peito, em que as dores

já iam cessar,

revoa a tristeza,

e torno a penar.

 

In “Poetas do Século XVIII”

Selecção, prefácio e notas de M. Rodrigues Lapa

Seara Nova - 3.ª edição - 1967

Pág. 103 e 104.

 

Marquesa da Alorna

D. Leonor de Almeida de Portugal Lorena e Lencastre

(1750 – 1839)

publicado por cateespero às 00:00
link do post | Deixe seu comentário | favorito
Quarta-feira, 25 de Março de 2015

Recordando... Torquato da Luz

POR AMOR

 

Só ficará de ti o que fizeste

por amor.

O resto não valeu:

foi apenas poeira que se ergueu

em teu redor

e o vento varreu.

 

Só ficará de ti o que escreveste

com paixão.

O resto não contou:

foi tão-só uma sombra que passou,

pura ilusão,

e nem rasto deixou.

 

In “Por Amor e Outros Poemas”

Papiro Editora - 2008

 

Torquato da Luz

(1943 – 2013)

publicado por cateespero às 00:00
link do post | Deixe seu comentário | favorito
Quinta-feira, 19 de Março de 2015

Recordando... António Nobre

O TEU RETRATO

 

Deus fez a noite com o teu olhar,

Deus fez as ondas com os teus cabelos;

Com a tua coragem fez castelos

Que pôs, como defesa, à beira-mar.

 

Com um sorriso teu, fez o luar

(Que é sorriso de noite, ao viandante)

E eu que andava pelo mundo, errante,

Já não ando perdido em alto-mar!

 

Do céu de Portugal fez a tua alma!

E ao ver-te sempre assim, tão pura e calma,

Da minha Noite, eu fiz a Claridade!

 

Ó meu anjo de luz e de esperança,

Será em ti afinal que descansa

O triste fim da minha mocidade!

 

In “Poesia Completa”

pref. de Mário Cláudio,

Publicações Dom Quixote

 

António Nobre

(1867 – 1900)

publicado por cateespero às 00:00
link do post | Deixe seu comentário | favorito
Sexta-feira, 13 de Março de 2015

Recordando... Fernando Echevarría

O TEMPO VIVE

 

O tempo vive, quando os homens, nele,

se esquecem de si mesmos,

ficando, embora, a contemplar o estreme

reduto de estar sendo.

O tempo vive a refrescar a sede

dos animais e do vento,

quando a estrutura estremece

a dura escuridão que, desde dentro,

irrompe. E fica com o uivo agreste

espantando o seu estrondo de silêncio.

 

In "Sobre os Mortos”

Edições Afrontamento

 

Fernando Echevarría

(N. 1929)

publicado por cateespero às 00:00
link do post | Deixe seu comentário | favorito
Sábado, 7 de Março de 2015

Recordando... Fernanda Botelho

DO OUTRO LADO DO RIO

 

Do outro lado do rio

cada voz é um poema.

Faz o barqueiro um desvio

vai-e-vem rema-que-rema

Ao outro lado do rio.

 

Todo o sol, a névoa, a noite

me condensa esta saudade

Nada impede que me afoite

em resguardos sem verdade,

ao outro lado, pela noite

 

Surgem estrelas nas mágoas,

nas mágoas do meu desterro:

atravessar estas águas

e reparar o meu erro

(o meu erro e as suas mágoas).

 

Do outro lado do rio

que imenso reino para mim

Aqui tenho fome e frio

Aqui para onde vim

Do outro lado do rio.

 

Guardo o sol na minha mão,

Fechado que mais não tenho.

Os meus sonhos onde irão,

Sendo eu aqui um estranho,

Um sol fechado na mão?

 

Coordenadas Líricas

 

In “Lisboa Com Seus Poetas”

Publicações Dom Quixote

 

Fernanda Botelho

(1926 – 2007)

publicado por cateespero às 00:00
link do post | Deixe seu comentário | favorito
Domingo, 1 de Março de 2015

Recordando... Afonso Duarte

CANÇÃO DO NU

 

Lindo

Mármore precioso que na alcova

Surpreendi dormindo!

E lindo

À luz dum fósforo, acendido a medo,

Despertou sorrindo.

E, lindo,

Dos olhos as meninas me saltaram

Para o nu que se estava descobrindo.

 

Linda!

Ficou-se ao desgasalho adormecida,

Ai vida,

Como ainda não vi coisa tão linda.

 

Linda,

Braços abertos em desnudo amplexo,

Seu corpo era uma púbere mendiga,

E ele é que estava pedindo,

Lindo,

O meu sexo.

 

In “Contemporanea”

Director – José Pacheco

Ano I – Volume III – Nº.9 Ano 1923

 

 

Afonso Duarte

(1884 – 1958)

publicado por cateespero às 00:00
link do post | Deixe seu comentário | ler comentários (1) | favorito

.Eu

.pesquisar

 

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30

.Visitas desde Agosto.2008


contador de visitas gratis

.Ano XI

.Estão neste momento...

.posts recentes

. Recordando... Glória de S...

. Recordando... Carlos de O...

. Recordando... Américo Cor...

. Recordando... Vítor Nogue...

. Recordando... Ana Luísa A...

. Recordando... Guerra Junq...

. Recordando... Fernando Ec...

. Recordando... António de ...

. Recordando... Agostinho d...

. Recordando... Vitorino Ne...

.arquivos

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds